Notícia

Notícia - 15/09/2017

Abuso sexual contra crianças e adolescentes é tema de palestra na cidade de Itapajé

TEXTO: +A -A

O delegado Bruno da Rocha Montenegro, titular da delegacia Regional de Itapajé, requereu ao Ministério Público, através da promotora de Justiça, Valeska Catunda Bastos, uma audiência pública sobre “abuso sexual contra crianças e adolescentes”. O tema foi escolhido diante das diversas ocorrências no município. O encontro foi realizado nessa quinta-feira (14), na Escola Adriano Nobre. O Delegado ressalta que 11 pessoas foram presas somente este ano por estupro de vulneráveis. Algumas mães também foram responsabilizadas em casos de omissão.

A palestra era direcionada aos responsáveis legais de instituições de ensino, seja a escola particular ou pública, e professores, porém, assustados com a estatística, alguns vereadores da cidade participaram, além do Conselho Tutelar. Segundo o delegado Bruno, algumas vítimas procuram os educadores quando sofrem qualquer tipo de abuso, fato geralmente escondido dos parentes mais próximos.

“A criança se sente bem na escola e confia no professor. Já tivemos situações de uma menina de 10 anos levar um baralho com imagens pornográficas para a sala de aula e a professora não denunciar na delegacia, simplesmente devolver as cartas. Então, aproveitamos esse momento de reflexão para relatarmos que os educadores também são responsáveis pelos alunos e podem sofrer sanções por omissão”, completou o delegado Bruno Montenegro, que há 10 meses assumiu a delegacia da cidade.