Notícia

Notícia - 19/04/2017

Governador Camilo Santana assina mensagem que reinclui o cargo de Delegado de Polícia Civil na Carreira Jurídica

TEXTO: +A -A

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O governador Camilo Santana assinou, na tarde desta quarta-feira (19), no Palácio da Abolição, a mensagem da Proposta de Emenda Constitucional, que reinclui o cargo de Delegado de Polícia nas carreiras jurídicas. Diretores da Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará (Adepol/CE) estavam entre as autoridades presentes no ato da assinatura do executivo. Segundo Élcio Batista, chefe de gabinete do Governo, o envio do documento à Casa Legislativa acontecerá nesta quinta-feira (20), com previsão de votação para o próximo dia (27).

“A gente sabe que o clamor da população é ter uma sociedade mais segura, por isso esse nosso esforço. E sei que uma das coisas mais importantes para qualquer profissional é o reconhecimento. O que estamos fazendo aqui é o reconhecimento profissional do Delegado, a importância que ele tem e que desempenha no Estado do Ceará”, disse Camilo Santana. Sobre a segurança pública, o executivo pediu o empenho da categoria no combate ao crime organizado. “Quem manda no Estado é o Estado, e o Estado somos nós: é a Polícia, é a Justiça. Que a gente possa dar nossa contribuição. Devemos pensar em nossos filhos, nossos netos e numa sociedade mais tranquila”, completou.

“O senhor pode ter certeza que investindo na polícia investigativa, e o judiciário dando celeridade aos processos, vamos mudar o quadro que está o Estado do Ceará. O crime precisa de uma resposta, e como remédio, tem que ser na dose certa e na hora certa, e quem dá esse remédio é a Polícia Judiciária e o Poder Judiciário”, respondeu a delegada Jeovânia Holanda, vice-presidente da Adepol/CE. O presidente da Adepol/CE, Milton Castelo, também reforçou o compromisso informando que o pedido será levado aos delegados para que todos se esforcem cada dia mais para melhorar a segurança pública do Ceará.

O secretário da Fazenda do Ceará, Mauro Filho, recordou como aconteceu a negociação, desde o início da gestão Camilo Santana, e fez suas considerações. “Estamos vivendo um momento de retração econômica, um momento de queda de receita, um momento que os estados estão sem condições de fazer nada. Só para reforçar a sensibilidade do governador nesse momento”, lembrou o titular da Sefaz, Por fim, o presidente da entidade, delegado Milton Castelo, entregou uma placa de agradecimento ao governador Camilo Santana.